7.5.09

O novo jornal começa mal: a Santa Sé diz que "anjos e demónios" é inofensivo ?

Fui dar uma vista de olhos pelo novo jornal "i", e dei de caras com esta notícia: "Vaticano diz que "Anjos e Demónios" é inofensivo ... O filme de Ron Howard é um "vídeojogo que chama a atenção e, por vezes, é divertido".

A fonte destas notícias são duas (?) críticas cinematográficas ASSINADAS. Não se trata de nenhuma posição oficial da Cúria ou do Papa.

Os textos são bastante críticos em relação ao filme, embora ressalvem a actuação do actor principal, os cenários e um ou outro pormernor do filme. Aliás, por alguma razão o Sr. Howard foi impedido de filmar dentro nas Basílicas romanas e no Vaticano (facto que o artigo em questão também não refere).

Mas entre as críticas e o desprezo generalizado, as agências internacionais encontraram o seguinte:
"Questa volta, con Angeli e demoni, la Chiesa è dalla parte dei buoni, anche se paga il prezzo di immaginarie efferatezze passate. Nel Codice da Vinci i buoni, invece, erano fuori della Chiesa, e ne minavano, addirittura, la base. Piuttosto innocuo, dunque, è questo secondo romanzo (e film), che però era stato scritto prima, a dimostrare che il vero successo poteva venire solo dal rovesciamento della tradizione osato nel Codice da Vinci."
Este parágrafo nem é particularmente elogioso. Mas serve para efeitos da revolução cultura em curso e para os promotores do filme.

E na segunda crónica, encontraram isto:
Non vale la pena elencare le incongruenze storiche e le iperboliche cerimonie che si susseguono irreversibili nel film (il camerlengo, i cardinali "preferiti", l'assassinio di un Papa, i riti e i ruoli), anzi può essere un divertimento aggiuntivo quelle di scoprirle, annotarle e vincere come in un gioco."
Ou seja, descobrir os erros do filme pode ser um divertido jogo, logo, dizem os 'jornalistas', o filme é divertido ...

Vejam bem as notícias que se poderiam escrever sobre esta matéria se, em vez das expressões (mal) escolhidas pelas agências internacionais, tivessem sido destacadas as seguintes citações:

  • "incongruenze storiche e le iperboliche cerimonie che si susseguono"

  • "Demoni confusi nel parco giochi di Ron Howard"

  • "il romanzo è modesto, così come il film"

  • "le opere di Dan Brown trattano della Chiesa, e più precisamente si inseriscono nel filone del fantavaticano"

  • "i buoni sono sempre i progressisti a favore del sesso e della scienza, siano essi eretici o Papi, e cattivi quanti si oppongono in nome della fedeltà a una tradizione dura e chiusa, che si sarebbe sempre macchiata di delitti."

  • "semplicistica e parziale visione della Chiesa"

  • "inverosimile romanzo di Dan Brown"

  • "gigantesca e furbesca operazione commerciale"

  • "un film pretenzioso"

  • "un immenso - e per Hollywood assai redditizio [lucrativo]- parco giochi"

Sem comentários: