23.1.13

Boa jogada do Cameron

Arruma com o ukip, arruma com a oposição interna, obriga os trabalhistas a sairem do armário e volta a entrar na corrida pela vitória nas próximas eleições.

Ganha também poder negocial em Berlim.

Em Bruxelas (e não só) o pessoal ficou nervoso. Não convém ter um gigantesco paraíso fiscal mesmo às portas de Bruxelas. Já para não falar de um eventual efeito de contágio.

Falam em coerção e chantagem ...

E é capaz de ser, porque de chantagem percebem eles: Áustria (FPO), Irlanda (com o Referendo à constituição europeia), Grécia (referendo proposto pelo Papandreu), Hungria e noutros lados...

A (des)construção europeia nunca se deu bem com o voto popular.

Sem comentários: